Alunos do IEMA São Luís Centro aprovam projetos na Lei Aldir Blanc

29 de novembro de 2021

WhatsApp Image 2021-11-29 at 14.39.33Estudantes da 3ª série e egressos do curso técnico em Produção em Áudio e Vídeo do IEMA unidade plena São Luis Centro aprovaram seis projetos no edital Conexão Audiovisual – Lei Aldir Blanc estadual equivalendo a quantia de 60 mil reais. O valor destinado a cada projeto é de 10 mil reais e será utilizado para a produção de um web-documentário com tempo de 10 a 20 minutos

Já alunos da 2ª série do referido curso elaboraram projetos para artistas das diversas linguagens, aprovaram na Lei Aldir Blanc estadual e municipal e agora estão trabalhando nas produções de peças audiovisuais como videoclipes, lives de peças teatrais e shows musicais. Os alunos vão receber um cachê simbólico pela produção.

Segundo o professor e coordenador dos projetos Emilson Ferreira de Souza, entre premiações e cachês os alunos receberão mais de R$ 70 mil reais, por 24 produções. Para atender o prazo dos editais os alunos tiveram que produzir 17 trabalhos em pouco mais de uma semana, para artistas locais premiados na Lei Aldir Blanc, mas mesmo assim,   “o resultado surpreende. Foram alunos de 15 a 18 anos que realizaram as produções”, ressaltou o professor.

A aluna Alexia Mendes Paiva destacou o sentimento de ter colaborado no projeto. “Participar da elaboração de projetos para a lei Aldir Blanc foi uma experiência única e muito enriquecedora. Foi uma oportunidade exímia para entendermos de fato como é trabalhar com o público e suas necessidades, além de exercitarmos o que já tínhamos aprendido com as matérias da base técnica”, frisou a estudante.

Para o gestor geral da UP São Luís Centro, Jonathan Camilo, as premiações revelam a importância de estimular a participação dos estudantes nos mais variados projetos. “Nós observamos que ainda na escola os estudantes estão se beneficiando com as possibilidades  disponíveis e assim aprimorando suas práticas fora da escola”, destacou o gestor acrescentando que esses alunos contribuíram com artistas locais em suas produções em um contexto sensível para a classe artística. “Ficamos orgulhosos que nossos alunos deram apoio a artistas do nosso estado que enfrentaram dificuldades para produzir. Isso mostra que o IEMA também está apoiando os artistas locais nesse momento de retomada”, concluiu.

Escola de Cinema IEMA

A Unidade Vocacional Escola de Cinema, que já promoveu dois cursos Técnicos em Produção de Áudio e Vídeo de 800 horas, e várias FIC – Formação Inicial Continuada no seguimento da profissionalização audiovisual de 160 horas, parabeniza os vários egressos selecionados no Edital Conexão Audiovisual, entre eles: Carolina Sousa de Araújo Ferreira, Bruno Olegário Martins Cardoso, Thais Serra de Lima Eireli, Taíssa Raquel Monteiro da Silva, Waber Bezerra dos Santos Junior, Isis Thaiany Soares Reis, Nádia Maria Santos Ribeiro, Kasarão Filmes (Josh Baconi, George Pedrosa), Maitê da Silva Sousa e Rickson Brandão Melo.