Governo divulga resultado da adesão aos cursos do Iema Idiomas

24 de julho de 2020

A Secretaria de Estado da Educação (Seduc) divulgou, nesta quarta-feira (22), o resultado da adesão realizada com estudantes remanescentes do Centro Línguas e Cultura do Maranhão (CLC) e do Centro de Ensino de Idiomas do Maranhão (CEIMA), interessados em dar continuidade ao curso por meio do Iema Idiomas. Os interessados deverão conferir o resultado da adesão aos cursos ofertados pela instituição, por meio de Chamada Pública. Ao todo, foram ofertadas 1.010 vagas no Curso de Língua Inglesa, distribuídas nos diversos níveis, e 670 estudantes solicitaram a adesão.

No período de 23 a 29 de julho, os estudantes deverão fazer a confirmação de matrícula, das 8h às 12h e das 14 às 17h, de acordo com a data prevista no cronograma de agendamento determinado pela Secretaria, especificado no edital. O estudante deve comparecer munido de documentos, cópias e originais: CPF, RG, Comprovante de Residência, documento que comprove ser estudante de Língua Inglesa do Projeto de Línguas e Cultura do Maranhão (CEIMA/UFMA) e Ficha de Inscrição preenchida adequadamente.

Nesse primeiro momento, as vagas são destinadas aos estudantes atualmente matriculados no Centro Línguas e Cultura do Maranhão (CLC) e o Centro de Ensino de Idiomas do Maranhão (CEIMA), para que deem continuidade aos seus cursos que eram ofertados por meio de parceria entre a Secretaria e Universidade Federal do Maranhão (UFMA). Os interessados deverão consultar o resultado da adesão nos sites da Seduc ou do IEMA.

As aulas estão previstas para iniciar a partir do dia 10 de agosto, na unidade vocacional Iema Idiomas, localizada na Rua Portugal, nº 221, Praia Grande.

Resultado da adesão aos cursos do Iema Idiomas

Sobre o Iema Idiomas

O Iema Idiomas é a mais nova unidade vocacional do Instituto e abrirá suas portas a partir do 2º semestre de 2020. A proposta da unidade é promover o ensino de diversos idiomas para adolescentes, jovens e adultos maranhenses com foco na efetivação do ler, escrever, ouvir e falar em reais situações comunicativas, por meio do desenvolvimento de competências e habilidades linguísticas, de forma a proporcionar, além do conhecimento linguístico, o aprimoramento da formação profissional, cultural e social, integrando, assim, os estudantes a uma sociedade plural e globalizada.