Iema realiza reunião de orientação com intercambistas da 3ª edição do programa “Iema no Mundo”

8 de junho de 2019

Iema Mundo (5)Dois alunos do Instituto Estadual de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão (Iema) do programa “Iema no Mundo” estão se preparando para uma temporada de seis meses na Dinamarca e Argentina para cursar high school com todas as despesas pagas através de uma bolsa de estudo concedida pela empresa Via Mundo. Rayanne dos Santos Freire, estudante do curso técnico em guia de turismo na unidade plena de São José de Ribamar, segue para estudar parte do ano letivo na Argentina, e Yuri dos Santos Oliveira, estudante do curso técnico de produção de áudio e vídeo da unidade plena de São Luís/Centro, foi selecionado para estudar na Dinamarca.

Visando à preparação para o embarque, os estudantes acompanhados de seus responsáveis foram recebidos pelo diretor de Ensino e Pesquisa do Iema, Elinaldo Silva; pelo diretor geral da empresa de intercâmbio Via Mundo, Antônio Bacelar; e pela assessora de Operacional e Suporte (exterior) da Via Mundo, Ana Karoline Goltzman. O encontro aconteceu na tarde desta sexta-feira (7), na sala de reuniões da reitoria do Iema. Na oportunidade, os futuros intercambistas em conjunto com os responsáveis receberam as orientações necessárias para a vivência e permanência por um semestre de estudos em outro país.

De acordo com o diretor de Ensino e Pesquisa do Iema, Elinaldo Silva, a iniciativa é de extrema importância da para a vida dos estudantes. “Realizamos a reunião de orientação com os intercambistas e os pais para iniciar a preparação para o embarque dos estudantes. É um momento informativo para que os jovens e seus responsáveis entendam como funciona o intercâmbio e, principalmente, para apresentar para os alunos a importância da experiência para a vida deles”, destacou.

Para o diretor geral da empresa Via Mundo, Antônio Bacelar, contribuir com o sonho de jovens maranhenses representa uma realização pessoal. “Enquanto empresário é motivo de orgulho colaborar com meu estado, isso faz parte da nossa filosofia, pois quanto mais tivermos cidadãos maranhenses preparados estaremos qualificando nossa mão de obra local”, contou.

O estudante do curso de produção de áudio e vídeo Yuri Oliveira, que segue no mês de agosto para a Dinamarca, relatou suas expectativas. “Não será apenas um intercambio para aprender a língua inglesa, também pretendo aprender dinamarquês, e me desenvolver mais, aprender bastante e me tornar um estudante melhor, um bom profissional e voltar dessa experiência um cidadão melhor através da troca de experiências”, relatou.

Sua mãe, Úrsula Militão, contou que apesar da saudade espera que o filho aproveite a oportunidade e volte com muito aprendizado. “Estamos muito ansiosos, queremos que ele aperfeiçoe o inglês que é uma língua que ele gosta muito. Esperamos que aproveite essa oportunidade que conquistou e consiga agregar mais conhecimentos para realizar o sonho dele de ser psicólogo”, disse.

A estudante do curso de guia de turismo Rayanne dos Santos Freire segue no mês de julho para a Argentina e contou que as reuniões são fundamentais para aumentar a segurança e a motivação pelo intercâmbio. “Estou muito ansiosa e com todas as orientações fiquei mais segura e informada sobre o país que eu vou morar nos próximos seis meses. Sempre me dediquei aos meus estudos e quero cada vez mais continuar investindo no meu conhecimento”, pontuou.

“Espero que ela aprenda bastante sobre a cultura e a língua espanhola e que venha bem motivada para desenvolver novos projetos e novos desafios para sua vida profissional. É uma oportunidade única que quase todo estudante da rede pública gostaria de ter, que eu não tive, e minha filha vai conseguir desfrutar. É muito especial esse momento”, concluiu a mãe da intercambista Rayanne, Rafaela dos Santos.