Mais de sete mil disputam vaga no IEMA

25 de novembro de 2019

UP CURURUPU (21)Encerrado à zero hora deste sábado (23) o período de inscrição de alunos para o IEMA – Instituto Estadual de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão. O seletivo, que começou dia 9 de outubro, é para o preenchimento de 2.320 vagas destinadas aos cursos técnicos de ensino médio em tempo integral e integrado à educação profissional a serem ofertados no próximo ano nas unidades plenas de Axixá, Bacabeira, Brejo, Coroatá, Cururupu, Matões, Pindaré Mirim, Presidente Dutra, Santa Inês, São José de Ribamar, São Luís Itaqui-Bacanga, São Luís Centro, São Luís Bacelar Portela, São Luís Gonçalves Dias e Timon.

Dados da Diretoria de Ensino do IEMA mostram que 7.416 inscrições foram registradas, um aumento percentual de 5,7% em relação ao número de inscritos no seletivo de 2019. Reitor do Instituto, Jhonatan Almada, explica que esse aumento se deve ao fato de o IEMA ter se tornado uma referência em educação profissional e também porque os resultados que a escola tem alcançado até agora a projetam no âmbito nacional e internacional. “Esse número expressivo de estudantes que se inscreveram no seletivo do Instituto confirma que consolidamos o IEMA junto ao nosso povo.”

Unidade com o maior número de inscritos, São Luís/Centro recebeu 1.795 inscrições, o que corresponde a cerca de 10,2 candidatos por vaga. A segunda unidade do IEMA com maior número de inscritos é São José de Ribamar, que registrou 827 inscrições. “Tivemos um número bastante positivo de inscritos para as 14 unidades plenas”, comenta o diretor de Ensino, Elinaldo Silva, lembrando que em São Luís o leque de vagas é bem maior porque, além da unidade do Centro e do Bacanga, existem as unidades Bacelar Portela, Gonçalves Dias e o Rio Anil.

A divulgação do resultado parcial com nomes dos candidatos classificados acontece dia 11 de dezembro. Em seguida, começa o período de interposição de recursos, conforme subitem 7.3. do Edital Nº 18 de 2019.

Dia 20 de dezembro será divulgado o resultado final com a relação de nomes dos candidatos classificados. O período de matrícula é de 6 a 10 de janeiro de 2020. A matrícula é feita na própria escola – unidade do IEMA que o aluno escolheu – e é obrigatória, no caso dos classificados nas vagas para egressos de escolas públicas, a apresentação de documentos como certificado de conclusão do ensino fundamental ou declaração original de conclusão do ensino fundamental, Certidão de Nascimento, Documento de Identidade, Cadastro de Pessoa Física – CPF, duas fotografias 3×4 e comprovante de residência. Todos esses documentos devem ser apresentados o original e a cópia.